Cinco animais que levam a paternidade muito a sério

Alguns exemplos de pais do Reino Animal: Pinguim-imperador, ema, mico-leão-dourado, jaçanã e raposa-vermelha (Fotos: Martha De Jong-Lantink/LadyofHats/Wikimedia Commons/Emi Kondo/World Animal Protection/Trix Jonker/Melissa Groo)

Pinguim-imperador

O trabalho desse pai dedicado começa antes mesmo de seu filhote nascer. Eles são responsáveis por cuidar do ovo e mantê-lo aquecido durante a ausência da fêmea, que sai em uma viagem em busca de alimentos por dois meses. Durante todo esse tempo, o macho equilibra o ovo entre seus pés e não come nada. Quando o filhote eclode, o pai o alimenta com uma substância leitosa, que irá sustentar o bebê até que a mãe retorne com a refeição da família toda.

Ema

Apesar de acasalar com muitas fêmeas, o pai Ema não foge de suas responsabilidades. É ele quem prepara o ninho onde suas companheiras depositam os ovos e quem choca todos eles até que os filhotes saiam. Ele também é um pai superprotetor, defendendo sua prole de qualquer ameaça nos primeiros seis meses de suas vidas.

Mico-leão-dourado

Na família dos micos-leões-dourados, o macho participa ativamente da criação dos filhotes. Quando os bebês completam duas semanas de vida, é ele quem assume os cuidados. Os filhotes são carregados em suas costas, de onde saem apenas para serem amamentados pela mãe. O pai também descasca e amassa frutas para alimentá-los quando completam um mês de vida.

Jaçanã

Não se engane com sua aparência frágil. O jaçanã é capaz de qualquer coisa para proteger seus filhotes. Depois de acasalarem com diferentes parceiros, as fêmeas da espécie deixam a tarefa de criar os filhos para os pais. Eles chocam os ovos e cuidam dos filhotes.

Raposa-vermelha

O pai raposa é muito dedicado e cuidadoso. Ele coloca a comida na mesa até que seus filhotes completem três meses de idade e também os ensina sobre como garantir a sobrevivência. Tudo indica que brincar com seus com seus filhos é uma das suas atividades favoritas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here