Categorias: NotíciasPolítica

Jean Wyllys aceita desafio de experimentar dieta à base de vegetais

Foto: Divulgação

O ex-deputado federal Jean Wyllys participará do desafio anual da Veganuary, organização britânica que a cada ano convida pessoas ao redor do mundo a experimentarem uma dieta à base de vegetais por um mês, seja pelo impacto positivo deste tipo de alimentação na vida dos animais, no meio ambiente ou na saúde dos participantes.

Jean fará parte de uma campanha internacional que na edição 2021 reuniu mais de meio milhão de pessoas de 209 países e territórios, que receberam apoio por meio do envio de receitas fáceis, planos de alimentação e dicas para facilitar a transição para uma alimentação sem ingredientes de origem animal.

Segundo Jean, uma mudança de paradigma para uma nova alimentação pode ser a chave para garantir segurança alimentar no mundo.

“A segurança alimentar deve vir não só com a erradicação da fome, mas com a garantia de uma alimentação saudável para a população e sustentável para o planeta. Num mundo tão rico, isso é possível, sim”, afirma Jean Wyllys que, refletindo sobre o tema, decidiu experimentar uma dieta à base de vegetais.

“É uma questão de vontade política”

“É uma questão de vontade política. Enquanto busco politicamente somar esforços à erradicação da fome e à garantia do direito das pessoas à comida saudável e cuja produção seja sustentável, tentarei eu mesmo, já que hoje posso mudar meus hábitos experimentando o veganismo.”

Conhecido por defender pautas ligadas aos direitos humanos, o deputado apelou à tomada de consciência do mapa da fome no mundo, motivo pelo qual aceitou participar do desafio, segundo a Veganuary.

“A fome é uma desgraça. É inaceitável que num mundo com tamanha produção de alimentos, haja milhões de pessoas passando fome. Eu sei o que é passar fome, e sei como a fome nos deixa na condição degradante de não ter escolha, de comer o que há pela frente, até mesmos os restos descartados de alimentos”, disse ele, fazendo-nos lembrar as tristes cenas de pessoas procurando comida num caminhão de lixo em Fortaleza em outubro passado.

Os recursos de Veganuary estão disponíveis gratuitamente durante o ano todo no site veganuary.com/pt-br com conselhos e suporte para experimentar uma dieta à base de vegetais.

David Arioch

Jornalista e especialista em jornalismo cultural, histórico e literário (MTB: 10612/PR)

Posts Recentes

Zona leste de SP terá feira vegana no dia 28

No dia 28, Dia Mundial pelo Fim do Especismo, das 12h às 20h, será realizado…

1 hora ago

Preocupação com o meio ambiente não deve ser apenas sobre nós

É importante a conscientização sobre as mudanças climáticas e impactos ambientais associados ou não à…

3 horas ago

Sue Coe: “Animais criados para consumo são estuprados toda vez que são inseminados”

Em um vídeo com duração de cinco minutos disponibilizado pela revista ArtForum com a artista…

22 horas ago

Santuário Filhos da Luz precisa de ajuda para não fechar as portas

O Santuário Filhos da Luz, de Tramandaí (RS), que abriga mais de 300 animais, entre…

1 dia ago

Museu Mineiro recebe festival vegano no dia 21

No domingo (21), das 11h às 18h, o festival vegano Paraíso Veg será no Museu…

1 dia ago

Consumir proteína animal é financiar um sistema perverso

No Brasil, a ordem de consumo de animais é a seguinte: frangos, suínos e bovinos,…

1 dia ago