Einstein: “O vegetarianismo tem um efeito tão benéfico no temperamento humano que é capaz de influenciar o destino da humanidade”

"Sempre acreditei que o homem não nasceu para ser carnívoro"

“Há muito tempo eu sou um adepto da causa. [vegetariana]” (Acervo: Albert Einstein Foundation)

“Além de concordar com os objetivos estéticos e morais do vegetarianismo, a minha opinião baseada nos efeitos físicos é que o vegetarianismo tem um efeito tão benéfico no temperamento humano que é capaz de influenciar o destino da humanidade.”

Excerto de uma carta enviada pelo físico alemão Albert Einstein a Hermann Huth em 27 de dezembro de 1930.

“Então, estou vivendo sem consumir gorduras, carne, peixe e me sinto muito bem dessa forma. Sempre acreditei que o homem não nasceu para ser carnívoro. Apesar de antes eu ter sido influenciado por circunstâncias externas a não seguir uma dieta vegetariana, há muito tempo eu sou um adepto da causa.”

Citação de uma carta escrita por Einstein um ano antes de sua morte.

As correspondências que fazem parte do Einstein Archives (46-75), a maior e mais confiável fonte de documentos sobre Einstein, integra o livro “An Einstein Encyclopedia”, de autoria de Alice Calaprice, Daniel Kennefich e Robert Schulmann, publicado em 2015. Einstein recebeu o Prêmio Nobel de Física em 1921.

 





DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here