Japão recomeça caça às baleias em julho

Embarcações baleeiras já estão sendo preparadas em Hokkaido, Miyagi, Chiba e Wakayama desde o dia 1º deste mês

País jamais interrompeu a caça às baleias para o que chamam de “fins científicos (Foto: Reuters)

No dia 1º de julho, o Japão recomeça a caça comercial de baleias em Kushiro, Hokkaido. A retomada já havia sido confirmada após o anúncio do país em se retirar da Comissão Baleeira Internacional em setembro do ano passado – assim como Islândia e Noruega.

De acordo com o Japan Today, embarcações baleeiras já estão sendo preparadas em Hokkaido, Miyagi, Chiba e Wakayama desde o dia 1º deste mês. Os operadores baleeiros estão fazendo acordos com alguns órgãos para realizarem uma cerimônia antes de partirem de Kushiro.

As embarcações vão caçar baleias berardius até o final de agosto. Depois se reunirão em Kushiro em setembro antes de embarcarem para a caça às baleias-anãs até outubro. Na teoria, o Japão proibiu a caça comercial de baleias em 1988, com base em uma moratória adotada em 1982 pela Comissão Baleeira Internacional.

No entanto, o país jamais interrompeu a caça às baleias para o que chamam de “fins científicos”, embora organizações como a Sea Shepherd sustentem que esse foi apenas um pretexto conveniente para jamais interromperem a matança de baleias.

Segundo o Japan Today, cerca de 200 mil toneladas de carne de baleia passaram a ser consumidas no país desde a década de 1960. No entanto, o número caiu para cinco mil nos últimos anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here