Após sucesso da Beyond Meat em Wall Street, JUST pretende seguir o mesmo caminho

"Não há cronograma pra isso, mas em algum momento é o que faremos"

Hoje avaliada em um bilhão de dólares, a JUST lançou o “seu ovo sem ovo” no final de agosto de 2018 (Foto: Divulgação)

Depois que as ações da Beyond Meat, mais famosa pelo hambúrguer vegetal Beyond Burger, fecharam em alta de 163% na estreia em Wall Street no início do mês, quando a empresa passou a ser avaliada em 3,8 bilhões de dólares após a oferta pública inicial (IPO), a startup JUST, mais conhecida pelo “ovo sem ovo” JUST Egg, anunciou hoje que pretende seguir o mesmo caminho.

A declaração foi feita a Bloomberg pelo CEO Josh Tetrick. “Não há cronograma pra isso, mas em algum momento é o que faremos. Veremos isso como um evento de financiamento”, disse Tetrick, acrescentando que o IPO da Beyond Meat é uma coisa ótima porque acaba atraindo atenção e valorizando mais o mercado de alternativas aos alimentos de origem animal.

Avaliada em um bilhão de dólares, a JUST lançou o seu “ovo sem ovo” no final de agosto de 2018, e o produto vem conquistando o mercado norte-americano pela semelhança em sabor e textura, embora seja baseado em dois ingredientes principais e talvez improváveis para a maioria – proteína isolada de feijão mungo e cúrcuma.

O produto que já está sendo comercializado também na China tem a mesma quantidade de proteínas de um ovo de galinha, mas não possui colesterol, exige menos de 77% de água no processo de produção e emite 40% menos gases do efeito estufa.

O JUST Egg foi criado principalmente para quem busca uma alternativa ao omelete ou ovos mexidos. No entanto o produto não vem no formato de um ovo, mas sim em uma embalagem idêntica à de uma maionese – somando 355 ml.

“O mundo não acredita que é possível ter alimentos mais saudáveis e sustentáveis, que também sejam acessíveis e deliciosos. Estamos tentando mudar essa mentalidade”, declarou Josh Tetrick antes do lançamento do produto, acrescentando também que o JUST Egg é uma forma de resgatar uma memória gustativa sem que para isso seja necessário explorar animais ou gerar muito impacto ao meio ambiente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here