Dieta à base de vegetais pode facilitar perda de peso e melhorar níveis de glicose no sangue

Conclusão é de estudo apresentado na semana passada no Congresso Europeu de Obesidade

Foto: iStock

De acordo com um estudo divulgado no dia 7 pela Associação Europeia para o Estudo da Obesidade, em 12 semanas uma dieta à base de vegetais pode resultar em perda significativa de peso.

Além disso, pode melhorar os níveis de glicose no sangue em adultos com excesso de peso, de acordo com uma meta-análise de 11 ensaios randomizados envolvendo quase 800 participantes com idade a partir de 18 anos.

O resultado foi apresentado na semana passada no Congresso Europeu de Obesidade pela pesquisadora Anne-Ditte Termannsen, do Steno Diabetes Center, de Copenhagen, na Dinamarca.

Segundo o estudo, dietas ricas em vegetais, incluindo leguminosas, frutas, oleaginosas e sementes, e sem alimentos de origem animal, podem ser mais benéficas em relação à pressão arterial e triglicerídeos (um tipo de gordura no sangue) em comparação com outras dietas.

Para o estudo, os pesquisadores conduziram uma revisão sistemática e meta-análise de todos os estudos randomizados relevantes em inglês, publicados até março de 2022, comparando o efeito das dietas à base de vegetais com outros tipos de dietas nos fatores de risco cardiometabólico – peso corporal, índice de massa corporal [IMC], níveis de açúcar no sangue, pressão arterial sistólica e diastólica, colesterol total, colesterol de lipoproteína de baixa densidade (chamado ‘colesterol ruim’), colesterol de lipoproteína de alta densidade e triglicerídeos.

As dietas sem alimentos de origem animal foram comparadas com as de grupos de controle passivo (participantes que continuaram a dieta normal, sem mudanças) ou grupos de controle ativo (participantes seguindo outras intervenções dietéticas – com dietas mediterrâneas, dietas diferentes para diabetes ou dietas com porções controladas).

Os dados foram analisados ​​para 11 estudos envolvendo 796 indivíduos, com idade média variando de 48 a 61 anos) com sobrepeso (IMC de 25 kg/m2 ou mais) ou diabetes tipo 2. Os ensaios tiveram duração média de 19 semanas e consideraram a perda de peso de pelo menos cinco quilos clinicamente significativa.

Em comparação com as dietas de controle, as dietas à base de vegetais resultaram em redução significativa de peso corporal; e tiveram efeitos positivos sobre o nível de açúcar no sangue.

“Esta avaliação rigorosa das melhores evidências disponíveis até o momento indica com razoável certeza que adotar uma dieta vegana por 12 semanas pode resultar em perda de peso clinicamente significativa e melhorar os níveis de açúcar no sangue e, portanto, pode ser usado no controle do excesso de peso e diabetes tipo 2”, diz Termannsen.

“As dietas veganas provavelmente levam à perda de peso porque estão associadas a uma ingestão calórica reduzida devido a um menor teor de gordura e maior teor de fibra alimentar. No entanto, são necessárias mais evidências em relação a outros resultados cardiometabólicos.”

Gosta do trabalho da Vegazeta? Colabore realizando uma doação de qualquer valor clicando no botão abaixo: 




 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here