Bonnie, a bezerra que escapou do matadouro e viveu na floresta com os cervos

Quando o rebanho estava sendo transferido para um caminhão, ela fugiu floresta adentro

Bonnie estava vivendo com uma família de cervos, e ela parecia tão confortável que era como se fosse um deles (Foto: Farm Sanctuary)

Bonnie tinha apenas quatro meses quando o proprietário da fazenda onde ela nasceu em Nova York faleceu. Com isso, todas as vacas e os bezerros da propriedade seriam enviados para o matadouro. Mas Bonnie não cederia tão fácil. Quando o rebanho estava sendo transferido para um caminhão, ela fugiu floresta adentro. Ninguém conseguiu localizá-la.

O tempo passou e o frio chegou, até que um dia Bonnie foi vista por meio de uma câmera instalada na floresta, usada para registrar a vida selvagem. Ela havia passado muito tempo escondida sob a neve. Mas não foi exatamente isso que mais surpreendeu.

Bonnie estava vivendo com uma família de cervos, e parecia tão confortável que era como se fosse um deles. Eles comiam, corriam e dormiam juntos. Assim como os cervos, Bonnie aprendeu que era importante se afastar da presença humana se quisesse sobreviver. Por isso, ela sumia sempre que reconhecia humanos.

Bonnie não parecia estar passando por nenhum tipo de necessidade. Porém, como uma vaca não é um animal selvagem, mas sim domesticado, ninguém sabia até quando ela sobreviveria nas frias florestas do norte de Nova York. Para o bem de Bonnie, uma mulher identificada apenas como Becky conseguiu ganhar a sua confiança e começou a ajudá-la.

Becky percorria diariamente a neve em um trenó, levando comida, água e cobertores, o que a ajudou a enfrentar o rigoroso inverno de 2017-2018. Como Bonnie estava em fase de desenvolvimento, Becky ficou preocupada e ligou para um santuário de animais – o Farm Sanctuary, de Nova York. Não foi fácil. Depois de oito meses vivendo com os cervos, Bonnie não admitia viver longe deles. Mas, depois de três tentativas, ela acabou cedendo.

“Bonnie estava muito cautelosa com a nossa presença. Ela só deixava Becky tocá-la e fugia se alguém mais se aproximasse”, informa o Farm Sanctuary. A verdade é que ela temia ser enviada para o matadouro. Foi preciso abastecer o seu curral com comida e depois usar um leve sedativo para conseguir levá-la para o santuário. Hoje, Bonnie vive separada da sua família de cervos, que nunca mais reencontrou, mas ganhou uma nova família de bovinos, com quem divide boa comida, uma pastagem confortável e um celeiro aconchegante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here