Notícias

Cogumelo substitui bexiga de peixe e pepsina suína na produção de bebidas alcoólicas

“As pessoas estão procurando opções veganas para cada aspecto de suas vidas. Estamos comprometidos em inovar e fornecer soluções sustentáveis” (Foto: Maga Hood/Divulgação)

A foodtech canadense Chinova Bioworks está desenvolvendo um agente de colagem à base de cogumelo para substituir a bexiga de peixe e a pepsina (enzima extraída do estômago dos suínos) ainda utilizadas por um número indeterminado de fabricantes de bebidas alcoólicas.

O produto que recebeu o nome de “Chiber” é baseado em fibra de cogumelo. A Chinova reconhece que embora hoje seja mais fácil encontrar muitas bebidas veganas, a inovação visa colocar um fim ao uso de agente de colagem ou filtragem de origem animal na indústria global de bebidas alcoólicas.

A produção do Chiber é resultado de uma parceria com o College Communautaire du Nouveau Brunswick (CCNB), em Nova Brunswick, no Canadá. A maior vantagem do uso do produto, segundo o fabricante, é que o processo de colagem é oito vezes mais rápido do que quando se utiliza isinglass (proveniente da bexiga de peixe) ou pepsina suína.

A Chinova também aponta como um bônus os benefícios antimicrobianos residuais deixados pelo Chiber na cerveja, por exemplo. De acordo com a foodtech, “ajuda a manter a bebida mais fresca por mais tempo, reduzindo o desperdício e sendo uma solução econômica e natural para a indústria”.

Produto chega ao mercado em 2022

Além disso, o produto que chega ao mercado em 2022 é inodoro e insípido, não alterando o sabor, aroma, cor ou consistência da bebida.

“As pessoas estão procurando opções veganas para cada aspecto de suas vidas. Estamos comprometidos em inovar e fornecer soluções sustentáveis. As bebidas alcoólicas, principalmente a cerveja, são afetadas pelo uso de ingredientes sintéticos e derivados de animais”, diz em um comunicado o COO e cofundador da Chinova Bioworks, David Brown.

“Acreditamos que podemos causar um grande impacto com o Chiber. A demanda de veganos éticos por esses produtos está influenciando a mudança na indústria de alimentos e bebidas. Empresas como a Chinova Bioworks desenvolvem ingredientes revolucionários que podem eliminar produtos de origem animal de nossas vidas e nos aproximar de um futuro vegano.”

Clique aqui para saber mais sobre o uso de isinglass (bexiga de peixe) em bebidas alcoólicas.

Gosta do trabalho da Vegazeta? Colabore realizando uma doação de qualquer valor clicando no botão abaixo: 

David Arioch

Jornalista e especialista em jornalismo cultural, histórico e literário (MTB: 10612/PR)

Posts Recentes

O garoto que acompanhou frangos enviados para o abate

Tião transportava aves para abatedouros menores - frangos abaixo do peso médio e galinhas descartadas…

7 horas ago

Pesquisa estima crescimento de mais de 100% do mercado de alimentos veganos

De acordo com uma pesquisa da Allied Market Research, o mercado de alimentos veganos crescerá…

8 horas ago

Grupos da USP e Universidade de Lisboa realizam colóquio sobre perspectivas indígenas e descolonização dos animais

Na sexta-feira (3), das 10h às 12h30, os grupos Praxis, da Universidade de Lisboa, e…

10 horas ago

PL que torna obrigatória oferta de carne suína na merenda será avaliado na CCJ

Está na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) da Câmara o PL…

11 horas ago

Crueldade em Brotas (SP) também é sobre consumo de leite e queijo

Sobre a crueldade envolvendo as mais de mil búfalas na Fazenda da Água Sumida em…

13 horas ago

Quem pensa no porco quando come sua carne?

Enquanto Bia comia lombinho de porco e enroladinho de bacon, ele olhava para Nestor e…

2 dias ago