Nutricionista oferece curso gratuito de nutrição infantil vegetariana

De acordo com Ana Paula, todas as vídeo aulas serão focadas na alimentação vegana e o curso será 100% online

“O que muda e o que não muda na introdução alimentar do bebê vegetariano?” (Foto: Getty)

De 28 a 4 de novembro, a nutricionista Ana Paula Pacífico, que traz no currículo um mestrado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e uma especialização em nutrição materno-infantil pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), vai ministrar um minicurso gratuito de atualização sobre nutrição materno-infantil vegetariana para profissionais de saúde.

De acordo com Ana Paula, todas as vídeo aulas serão focadas na alimentação vegana e o curso será 100% online. Ela adianta que entre os assuntos serão abordadas as falhas no modelo alimentar centrado em alimentos de origem animal.

Ana Paula Pacífico conta que atua há 25 anos na área de nutrição vegetariana

Além de discutir proteínas de origem vegetal x proteínas de origem animal, a nutricionista vai apresentar dicas para aumentar o aporte de nutrientes na dieta das gestantes e nutrizes vegetarianas.

“O que muda e o que não muda na introdução alimentar do bebê vegetariano? Como montar o prato do bebê vegetariano na prática? Vamos falar sobre isso”, informa. Também faz parte do minicurso estudos de casos com introdução alimentar, suplementação nutricional e curvas de crescimento de bebês veganos.

Ana Paula Pacífico conta que atua há 25 anos na área de nutrição vegetariana e que após a experiência com a maternidade, há mais de uma década, passou a estudar e trabalhar com o vegetarianismo voltado ao público materno-infantil.

“Minha missão é ampliar e difundir um estilo de alimentação que contribui para a saúde das pessoas e do planeta!”, diz.

E acrescenta: “Mas, para isso, venho aprendendo que é preciso desconstruir alguns conceitos errôneos e profundamente arraigados que nós, profissionais de saúde, recebemos na nossa formação e que impactam diretamente na nossa prática profissional.”

Após a realização do minicurso, haverá um curso avançado para profissionais de saúde. “O curso avançado já é pago porque são várias horas-aula para os profissionais que querem se aprofundar no tema”, explica.

Para se inscrever no minicurso, clique aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here