Produtos

Indianos criam substituto do couro a partir das flores

Ankit Agarwal garante que a resistência à tração, elasticidade e resistência total do Fleather é igual ou superior ao do couro tradicional (Fotos: Phool.co/Divulgação)

Em parceria com o Instituto Indiano de Tecnologia (IIT) de Kanpur, a Phool, uma startup de biomateriais fundada em 2017, está criando um substituto do couro a partir das flores.

Na Índia é muito comum a utilização de grandes quantidades de flores em templos, então como há um descarte muito elevado, eles perceberam que seria uma boa ideia aproveitá-las.

Ao Hindustan Times, o cofundador da Phool, Ankit Agarwal disse que o material que recebeu o nome de Fleather “é uma alternativa viável ao couro animal”. Além disso, o investimento no produto pode contribuir para desacelerar a produção de couro no país, que é responsável por 12,9% do volume mundial.

“Substituto perfeito para o couro”

“No ano passado, decidimos explorar o desenvolvimento de couro não animal. Intrigada com a formação de uma camada branca semelhante ao couro em pilhas de flores não utilizadas, nossa equipe descobriu o crescimento de um microrganismo que usava pétalas de flores como fonte nutricional”, disse Agarwal.

E acrescentou: “O couro contém colágeno que confere resistência e durabilidade, enquanto o fleather possui quitina, uma espécie de proteína, que garante as mesmas propriedades. O colágeno e a quitina são análogos naturais, tornando o Fleather um substituto perfeito para o couro.”

Ainda de acordo com o cofundador da Phool, eles identificaram espécies biológicas e estão cultivando cepas de espécies semelhantes em laboratório, isolando as espécies que mais se destacam em resistência e taxa de crescimento.

“Desenvolvemos uma técnica para extrair o máximo de nutrientes das flores e introduzimos certos aditivos para desencadear o crescimento do microrganismo, assim como ampliar suas propriedades.”

Ankit Agarwal garante que a resistência à tração, elasticidade e resistência total do Fleather é igual ou superior ao do couro tradicional.

David Arioch

Jornalista e especialista em jornalismo cultural, histórico e literário (MTB: 10612/PR)

Posts Recentes

Quanto vale a vida de um animal?

Viu um bezerro caído na estrada. “Foi atropelado?” Parou o carro e desceu. O animal…

3 semanas ago

Uma lâmina serve quanta violência no matadouro?

Ver um animal vivo e pouco depois observá-lo morto causou-lhe mal-estar. Estava ali para testemunhar…

3 semanas ago

Como os porcos vivem pouco

Não faz aniversário. Não passa de meio ano de vida. O que pode ser comemorado…

3 semanas ago

SP: Santuário Filhos de Shanti precisa de doações com urgência

Com sede em Pindamonhangaba (SP), o Santuário de Animais Filhos de Shanti está pedindo ajuda para arrecadar…

3 semanas ago

Mercado de alimentos veganos crescerá 42% até 2025

Um relatório da Business Research Company estima que o mercado de alimentos veganos crescerá 42%…

3 semanas ago

Novilha é enviada para santuário após escapar de matadouro em NY

Uma novilha que escapou este mês de um matadouro da cidade de Nova York foi…

3 semanas ago