Mais uma pesquisa destaca crescimento do mercado de alternativas aos laticínios

Estimativa é de que até 2025 o mercado cresça US$ 1,11 bilhão, com uma taxa de crescimento anual composta de 10,27%

Divulgada esta semana, uma pesquisa da Infiniti destaca o crescimento do mercado de alternativas aos laticínios.

A estimativa é de que até 2025 o mercado cresça US$ 1,11 bilhão, com uma taxa de crescimento anual composta de 10,27%.

A América do Sul é citada como uma das regiões com grande potencial de desenvolvimento nesse período.

“Há mais consumidores adotando uma dieta à base de vegetais e isso tende a impulsionar o mercado, assim como o aumento dos casos de intolerância à lactose e alergias ao leite”, frisa a Infiniti.

A pesquisa também aponta que preocupações com uso de antibióticos e hormônios na indústria leiteira global tem motivado mudanças de hábitos entre os consumidores e despertado mais interesse por alternativas de origem vegetal.

2031 e queijos veganos

Outra pesquisa, da Fact.MR divulgada em agosto deste ano, estima que o mercado global de alternativas aos laticínios chegará a US$ 32 bilhões em 2031. Isso significa crescimento de 293% em comparação com os US$ 11 bilhões de 2020.

A Fact.MR cita que preocupações ambientais e com o alto teor de colesterol nos laticínios também estão estimulando o consumo de produtos à base de vegetais.

Além disso, em relação à tecnologia e evolução no processamento de ingredientes, conclui que os queijos veganos terão maior destaque no mercado nos próximos anos.

Gosta do trabalho da Vegazeta? Colabore realizando uma doação de qualquer valor clicando no botão abaixo: 




DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here