Pessoas que consomem mais vegetais correm menos risco de perda de memória

“Nossos estudos fornecem mais evidências de que as escolhas alimentares podem ser importantes para manter a saúde do cérebro”

Folhas escuras estão entre os alimentos que contribuem para a redução do risco de perda de memória (Acervo: Superlife)

De acordo com um estudo publicado no mês passado por cientistas da Escola de Saúde Pública da Universidade Harvard, quem consome mais vegetais corre menos risco de perda de memória. Os pesquisadores chegaram a essa conclusão depois de analisarem os dados de um estudo que acompanhou cerca de 28 mil pessoas ao longo de 26 anos (1986-2002).

Em 2012, ou seja, dez anos após o acompanhamento, os cientistas reuniram novamente os participantes para realizarem novas avaliações envolvendo memória e capacidade cognitiva. Segundo o estudo, aqueles que consumiam mais alimentos à base de plantas, como folhas verdes, vegetais vermelhos e alaranjados, além de frutas vermelhas e suco de laranja, reduziram em 34% a probabilidade de perda de memória.

“Nossos estudos fornecem mais evidências de que as escolhas alimentares podem ser importantes para manter a saúde do cérebro”, diz o pesquisador e autor do estudo, Changzheng Yuan, acrescentando que o hábito diário de consumir suco de laranja também pode ajudar na preservação da capacidade cognitiva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here