Ministério da Saúde da Nova Zelândia promove dieta à base de vegetais

Incentivo a mudança de hábitos alimentares faz parte de novo relatório sobre sustentabilidade no setor de saúde

Ministério defende o “desenvolvimento de menus alternativos” e o “incentivo a dietas baseadas em vegetais” (Acervo: Urban List)

De acordo com informações do 1 News, o Ministério da Saúde da Nova Zelândia está promovendo dietas à base de vegetais em um novo relatório sobre sustentabilidade no setor de saúde.

Segundo o ministério, a agropecuária representa 49% das emissões de gases do efeito estufa da Nova Zelândia, e esse percentual é fortemente influenciado pelas atuais preferências alimentares da população.

O relatório também aponta que a produção de carne vermelha demanda muito mais recursos do que o cultivo de proteínas de origem vegetal – e defende o “desenvolvimento de menus alternativos” e o “incentivo a dietas baseadas em vegetais”, que podem ser benéficas à saúde da população.

A recomendação também é que órgãos e organizações de cuidados com a saúde desenvolvam suas próprias hortas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here