Governo do Paraná lança campanha contra a venda de coelhos como presentes de Páscoa

Muitos coelhos são abandonados em lixeiras, parques e praças, e acabam morrendo de frio e fome

Há quem comercialize inclusive coelhos tingidos nesta época do ano para chamar a atenção dos consumidores (Foto: Getty)

O Governo do Paraná lançou ontem, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e Turismo a campanha Páscoa Consciente!, que tem o objetivo de conscientizar as pessoas a não darem coelhos como presentes no período que antecede a Páscoa.

O motivo é que muitos desses animais são abandonados em lixeiras, parques e praças, e acabam morrendo de frio e fome. Outros são atropelados ou atacados por cães.

“As pessoas podem encontrar outras opções em vez da compra de coelhos como animais de estimação, o que é comum nessa época por serem considerados dóceis e associados a um dos símbolos da Páscoa”, destaca a secretaria.

A campanha frisa ainda que nem sempre quem ganha um coelho de presente está disposto a arcar com os cuidados que o animal necessita – e que não são poucos. “Além disso, em geral, os coelhos são mantidos em gaiolas e encontram dificuldades para sobreviver sem cuidados humanos”, justifica.

Em vez de coelhos de verdade, a Páscoa Consciente! recomenda que as pessoas optem por coelhos de pelúcia ou de chocolate. “Além de trazer a mesma representatividade, essa atitude evita futuros abandonos”, argumenta.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here