Sete motivos para você parar de consumir ovos

Debicagem, expectativa de vida, gaiolas em bateria, incubação, manipulação genética, matança de pintinhos e muda forçada

Realidade da produção de ovos é bem menos romântica do que parece (Fotos: Globo Rural/HSI/Jo-Anne McArthur/We Animals)

Debicagem

Quando os pintinhos nascem fêmeas, elas sofrem debicagem logo nos primeiros dias. O processo consiste em cortar uma grande porção do bico com uma lâmina quente e sem anestesia. A prática é utilizada para que não se biquem quando ficam estressadas em regime de confinamento intensivo. A dor pós-debicagem pode durar de 20 a 30 dias e é comum os pintinhos terem dificuldade de se alimentar.

Expectativa de Vida

Normalmente uma galinha pode viver por pelo menos dez anos, mas na indústria de ovos a expectativa de vida é de um ano a um ano e meio. Nesse período, ela pode desenvolver órgãos vitais alargados e tumores em decorrência do desgaste do organismo. Saiba também que para cada casca de ovo produzida, uma quantidade considerável de cálcio é drenada do corpo de uma galinha. Por isso, as galinhas poedeiras sofrem de osteoporose e têm ossos frágeis se comparados aos das galinhas selvagens. 

Gaiolas em Bateria

As gaiolas em bateria ainda respondem pelo sistema de confinamento mais comum utilizado pela indústria de ovos. As galinhas são mantidas em espaços minúsculos para cinco a dez aves, o que impede a realização de movimentos naturais como esticar as asas. No Brasil, mais de 70 milhões de galinhas vivem nessas condições.

Incubação

Para ganhar tempo e aumentar a lucratividade, as granjas têm utilizado cada vez mais o sistema de incubação mecânica. Em vez das galinhas incubarem seus próprios ovos, eles são chocados artificialmente. Além de ser um processo antinatural, não são raros os casos de pintinhos que nascem deformados.

Manipulação Genética

Uma galinha selvagem bota 10 a 15 ovos por ano, podendo chegar a 30, e apenas no período natural de reprodução. Porém, as galinhas modernas, que produzem os ovos mais consumidos em todo o mundo, foram manipuladas geneticamente para botarem até 350 ovos por ano.

Matança de Pintinhos

Considerados descartáveis pela indústria de ovos, pintinhos machos são moídos ou mortos por meio de dióxido de carbono. A justificativa é que esses pintinhos também não interessam à indústria da carne porque não têm a mesma genética dos animais criados com essa finalidade. A estimativa é de que 2,5 bilhões de pintinhos são mortos no mundo todo, segundo a organização alemã Deutscher Tierschutzbund.

Muda Forçada

Para estimular a produção de ovos, galinhas são submetidas a um jejum alimentar e hídrico que gera um desequilíbrio hormonal que pode dar origem à regressão do aparelho reprodutor. Como a galinha perde muito peso e sofre um estresse crônico nesse processo há sempre o risco de morte.

1 COMENTÁRIO

  1. Olá!
    Tá ótimo a matéria, acho que você poderia acrescentar sobre o fato do ovo retirar o cálcio da galinha e ela ficar debilitada. Também o fato do ovo ser a menstruação da galinha;

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here