Vegano bate recorde de levantamento terra nos EUA

Nick Squires: "Não podia continuar comendo animais"

“Nem sabia ao certo se os dois [veganismo e levantamento de peso] eram compatíveis quando adotei uma dieta à base de vegetais…” (Foto: Nick Squires/Instagram)
O atleta vegano Nick Squires bateu em fevereiro o recorde de levantamento terra no California State Championships, em Chino Hills, no condado de San Bernardino.

Squires agora é o campeão estadual do evento realizado pela tradicional Associação de Levantamento de Peso dos Estados Unidos (United States Powerlifting Association – USPA).

Competindo na categoria de 100 quilos, o vegano levantou 295 quilos, superando o recorde anterior de 287,5 quilos.

Praticante de powerlifting desde 2013, Nick Squires se tornou vegano em maio de 2014. De lá pra cá, participou de cinco competições e obteve o primeiro lugar em três, segundo o Great Vegan Athletes.

O veganismo entrou em sua vida a partir de uma motivação ética. “Nem sabia ao certo se os dois [veganismo e levantamento de peso] eram compatíveis quando adotei uma dieta à base de vegetais, mas não podia continuar comendo animais”, justificou ao GVA.

Vegana detém 11 recordes no esporte

Quem também tem se destacado no esporte é a vegana Yolanda Presswood, que detém 11 recordes em duas categorias de peso nos Estados Unidos. Só em 2019, ela alcançou nove recordes na Drug Tested National Powerlifting Championships, realizada em Las Vegas pela Associação de Levantamento de Peso dos EUA.

Além de ser uma competição nacional, o campeonato tem a finalidade de avaliar se os atletas estão competindo livres do uso de drogas que ampliam a performance desportiva.

Yolanda, que começou a competir em 2014, foi consagrada campeã nacional depois de garantir recordes estaduais, nacionais e mundiais na categoria M1 (40-44) para atletas com até 60 quilos. Os melhores resultados da atleta foram no levantamento terra – com a marca de 155 quilos.

“A magnitude dessa conquista é enorme”

“A magnitude dessa conquista para mim é enorme. Parti com esse objetivo e foi exatamente o que consegui”, disse à época a powerlifter que se tornou vegana em 2010.

No supino, e também na categoria até 60 quilos, Yolanda Presswood levantou 67,5 quilos, faltando apenas um pouquinho para o recorde estadual e nacional – 70 quilos.

“Sou vegana pelos animais o dia todo, todos os dias. Não consumo produtos de origem animal. Ter uma dieta vegana é simples. Há frutas, vegetais e grãos como arroz e aveia em todos os lugares”, declarou ao GVA.

Yolanda foi consagrada campeã nacional depois de garantir recordes estaduais, nacionais e mundiais na categoria M1 (40-44) para atletas com até 60 quilos (Foto: Divulgação/Yolanda Presswood/Instagram)

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here