148 caprinos resgatados de situação de maus-tratos precisam de ajuda em SP

Eles não foram vermifugados de forma adequada, contraíram verminose e isso pode matar. Muitos também estão com pneumonia e isso é grave, mas a situação está começando a se estabilizar"

Quando os animais foram encontrados, eles já estavam na estrada há mais de 20 horas, e eram transportados sem ventilação ou qualquer medida de segurança. Também não havia comida ou água disponível (Fotos: Abraço Animal)

Na quarta-feira (11), após a identificação de um caminhão que transportava ilegalmente na Zona Leste de São Paulo (SP) 187 caprinos, voluntários conseguiram garantir adoção para 148 sobreviventes. No entanto a situação ainda é considerada delicada porque os animais inspiram cuidados e muitos ainda não podem viajar. Além disso, serão necessários recursos financeiros para garantir a sobrevivência dos caprinos.

Atualmente eles estão sendo tratados no Instituto Eu Sou o Bicho, em Cajamar, na Grande São Paulo. “Os animais estão tomando antibióticos. Eles não foram vermifugados de forma adequada, contraíram verminose e isso pode matar. Muitos também estão com pneumonia e isso é grave, mas a situação está começando a se estabilizar”, informa Rosangela Coelho, do Santuário Filhos de Shanti, de Pindamonhangaba (SP), que já se responsabilizou pela adoção de 22 caprinos.

“Outros santuários também vão recebê-los. Só precisamos aguardar a melhora no quadro de saúde deles. E infelizmente é possível que mais alguns não resistam porque estão em situação mais crítica”, explica Rosangela e lamenta que, como os animais estavam sendo transportados em más condições, alguns morreram pisoteados e desidratados.

A apreensão do caminhão que vinha da Bahia foi feita pelo 1º Batalhão de Policiamento Ambiental de São Paulo, e a ação de resgate dos animais contou com o suporte do Abraço Animal – Centro de Acolhimento e Resgate de Cavalos, de São Roque (SP), coordenado por Karina Somaggio.

Quando os animais foram encontrados, eles já estavam na estrada há mais de 20 horas, e eram transportados sem ventilação ou qualquer medida de segurança. Também não havia comida ou água disponível. Isso infelizmente explica porque nem todos os 187 caprinos sobreviveram à viagem. O responsável pelo transporte recebeu multa no valor de R$ 561 mil.

Você pode contribuir realizando uma doação para a Abraço Animal – Centro de Acolhimento e Resgate de Cavalos, que está coordenando a adoção dos animais:

Banco Santander

Agência: 4649

Conta Corrente: 01039960-3

Titular: Fernanda Karina Ramos Somaggio

CPF: 172.822.478-03

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here