Brasil atinge mais um recorde de matança de porcos

É o maior número de suínos abatidos no período desde que o sistema de pesquisa trimestral do IBGE sobre a produção pecuária foi implantado

“É um recorde na série histórica”, destaca o levantamento (Foto: Igualdad Animal/Jose Valle)

Com 13,04 milhões de suínos abatidos em um período de 90 dias, o que significa 4,34 milhões por mês e mais de 144 mil por dia, o Brasil atingiu mais um recorde de matança de porcos no segundo trimestre de 2021, conforme levantamento realizado em setembro pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Ou seja, é o maior número de suínos abatidos nesse período desde 1997, quando o sistema de pesquisa trimestral do IBGE sobre a produção pecuária foi implantado.

“É um recorde na série histórica”, destaca o levantamento, acrescentando que também representa aumento de 7,6% em relação ao mesmo período de 2020 e aumento de 2,9% em comparação com o primeiro trimestre de 2021.

Mais de seis mil porcos por hora

São mortos mais de seis mil porcos por hora. Vale lembrar que no ano passado o Brasil já havia atingido outro recorde em matança de suínos, com aumento de 6,4% em relação a 2019 e média de 4,10 milhões de porcos abatidos por mês. Em 2021, essa média já foi superada no segundo trimestre.

Dos mamíferos reduzidos a alimentos e outros produtos, os porcos estão em primeiro lugar. Mata-se no mundo todo pelo menos três vezes mais suínos do que bois e vacas, conforme dados da organização britânica Animal Ethics.

Imagine a experiência 

No sistema industrial de produção suína, além do corte de cauda e de dentes, prática usual e sem anestesia, o desmame ocorre de maneira forçada quando os porcos têm de 18 a 21 dias de idade. Além disso, ainda que sejam animais sociais, são abatidos com idade que comumente pode variar de cinco a seis meses.

Imagine a experiência de ser condicionado a viver até a metade de um ano para ser reduzido a pedaços de carne. Mas não sem antes receber choque por meio de eletronarcose – no “melhor dos cenários” – e ser degolado após uma vida de privações impostas pelo sistema de produção.

Afinal, você é criado para atingir um objetivo comercial, ou seja, ser e morrer para virar produto ou fonte de ingredientes para produtos. Cruel, não?

Clique aqui para saber como porcos são animais incríveis.

Gosta do trabalho da Vegazeta? Colabore realizando uma doação de qualquer valor clicando no botão abaixo: 




1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here