Hambúrgueres vegetais salvam 250 mil animais por ano nos EUA

“São 140 mil suínos e 110 mil bovinos por ano sendo ‘salvos do sistema alimentar’’

“São 140 mil suínos e 110 mil bovinos por ano sendo ‘salvos do sistema alimentar’’ (Foto: Impossible Foods)

De acordo com informações da organização World Animal Protection (WAP), e publicadas pela Forbes neste mês de dezembro, a oferta de hambúrgueres vegetais por parte de grandes redes de fast food está poupando a vida de 250 mil animais por ano só nos Estados Unidos.

“São 140 mil suínos e 110 mil bovinos por ano sendo ‘salvos do sistema alimentar’’, destaca a WAP, que considerou números baseados nas vendas estimadas em restaurantes de fast food de todo o país. O autor da pesquisa, Ben Williamson, disse que isso mostra que 2019 foi o ano em que as redes de fast food mais voltaram sua atenção pra a oferta de alternativas à carne.

E grande parte desse consumo nessas redes se deve a consumidores de carne que estão optando por alternativas à base de vegetais. Williamson aponta que empresas como Beyond Meat e Impossible Foods estão contribuindo para desacelerar o consumo de carne no país ao fazer com que seus produtos cheguem aos restaurantes e outros tipos de estabelecimentos mais improváveis.

Para 2020, a World Animal Protection faz uma projeção mais otimista, e como resultado da inclusão de opções à base de plantas em um número cada vez maior de restaurantes e mercados. Além disso, a Beyond Meat e Impossible Foods já prometeram para 2020 o lançamento de alternativas ao frango e ao peixe.

“E isso terá um impacto maior, porque esses animais menores são abatidos ​​em números significativamente maiores”, avalia Bem Williamson, da WAP. Vale lembrar que este ano a Impossible Foods, organizou um evento para crianças com atividades para ensiná-las sobre os benefícios dos alimentos à base de plantas.

Na ocasião, o CEO Patrick O. Brown falou que quando elas forem adultas já não se alimentarão de animais. “Quem gosta de comer cachorro-quente? Filé de peixe? Hambúrgueres?”, perguntou Brown. Quando a maioria ergueu as mãos, ele fez outra pergunta. “Quem aqui está realmente feliz por [esses produtos] terem vindo de animais mortos?” As crianças abaixaram as mãos e ficaram em silêncio.

“Prometo que, quando você for adulto, a carne que você come não virá de animais mortos. Você pode vir me encontrar e me bater se eu estiver errado”, declarou. A atitude de Patrick O. Brown faz parte de uma iniciativa da Impossible Foods de criar alternativas a todos os alimentos mais consumidos de origem animal até 2035.

Além disso, Brown aposta que nos próximos três anos o Impossible Burger será oferecido a preços ainda mais competitivos em comparação ao hambúrguer tradicional.

5 COMENTÁRIOS

  1. Salvos?? E a cadeia alimentar?? Se todos fizessem isso o que ia ser com a quantidade descontrolada de suínos e bovinos? E as plantas tb são seres vivos. Não são??

  2. Salvam nada pq esses animais são criados e destinado a produção de carne, sempre sera assim pq tem o consumidor final, se a pessoa nao quer comer carne beleza vida dela, mas não vem dizer o que é certo ou errado, vegetariano, crente fanático, e pseudo ateu são os mais chatos da internet :s.

    • Dante, não se trata de “dizer” que é certo ou errado, é, realmente, errado, se alimentar de um ser que não veio a este mundo para servir de alimento a ninguém. Vou colocar de outra forma: Vc já deve ter ouvido falar em canibais, correto? Acha que eles estão certos ao ingerir pessoas? Então por que acredita que nós podemos nos servir de outros seres? O que o faz pensar que temos esse direito? Ah, o topo da cadeia alimentar, correto? Mas e o restante que permeia a nossa existência? Então, se somos os mais fortes – nem tanto, mtos animais são mto superiores a nós em força física – podemos fazer com eles o que bem quisermos? Ao seguirmos esse raciocínio seria correto dizer que uma criança, mto inferior em força física, poderia ser vítima de maus tratos ou mesmo abuso sexual já que a lei do mais forte protege a todos esses “valentões” e os deixa fazerem o que bem entendem? E isso serviria para tudo o mais? seria assim? NÃO! Então por que com as outras espécies é diferente? Por que não se considera imoral, anti- ético e anormal alguém se servir de um ser inocente, indefeso e puro para uso qquer que ele seja? Além disso, meu caro, em um futuro mto, mas mto próximo, animais não poderão ser criados da forma que o são hoje para satisfazer a gula, a bestialidade e toda a sorte de mau caratismo de que somente a nossa espécie é capaz. E afirmar que pessoas de bom caráter e bom senso são “chatas” é somente demonstrar não apenas falta de vocabulário, mas tb de argumentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here