Um documentário vegano para restaurar a fé na humanidade

"Called to Rescue" é sobre segundas chances, revisão de valores, respeito, compaixão, altruísmo, amor, perdão e sabedoria

Naomi Call: “O espírito desses animais incrivelmente fortes é nada menos que inspirador” (Foto: Divulgação)

Se você está procurando um documentário para restaurar a sua fé na humanidade, talvez você precise assistir “Called to Rescue”, um documentário vegano produzido e dirigido por Naomi Sophia Call e seus dois filhos Auston Call e Loghan Call, ou seja, uma família vegana.

No filme, para além dos relatos da dura realidade dos animais explorados para consumo – como bois, vacas, bezerros, porcos, leitões, frangos e galinhas, são apresentados inúmeros recortes compassivos de boa vontade e respeito à vida não humana. Em alguns aspectos, lembra a proposta do documentário “Peaceable Kingdom”, dirigido por Jenny Stein e lançado em 2004.

Para contar as histórias que compõem “Called to Rescue”, os Call visitaram 15 santuários de animais de várias regiões dos Estados Unidos, se aprofundando na realidade e na trajetória de seres não humanos que tiveram uma oportunidade de renascer graças à boa intervenção humana.

Além das transformações na vida dos animais, o documentário também mostra como o despertar de uma conexão com um ser antes visto como fonte de alimento pode tocar profundamente vidas humanas.

“O espírito desses animais incrivelmente fortes é nada menos que inspirador. Nossa intenção é despertar novamente nosso conhecimento inato de que os animais são seres sencientes, com famílias e um desejo de viver sua vida natural livre do sofrimento”, enfatiza Naomi Call.

Outro ponto destacável é que a abordagem de “Called to Rescue” ajuda a fortalecer a importância dos santuários, onde o trabalho depende de doações e voluntários empenhados em salvar e abrigar o maior número possível de animais.

“Nosso filme oferece uma visão interna da vida em um santuário, a dedicação necessária para manter um refúgio seguro para esses animais e, é claro, as incríveis histórias de como esses animais [também] estão salvando vidas”, explica Naomi.

Em síntese, “Called to Rescue” é um documentário sobre segundas chances, revisão de valores, respeito, compaixão, altruísmo, amor, perdão e sabedoria. Desde que foi lançado em 2016, o filme já foi selecionado para dez festivais e recebeu três prêmios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here