Uma das últimas vaquitas do mundo é encontrada morta no México

A princípio, os membros da Sea Shepherd pensaram que se tratava de um peixe marinho da espécie totoaba

O animal foi encontrado desfigurado em San Felipe, no Golfo Da Califórnia, no México (Foto: Sea Shepherd)

Uma das últimas vaquitas do mundo foi encontrada morta no México há exatamente um mês pela Sea Shepherd. Enquanto a organização de conservação da vida marinha patrulhava o chamado Refúgio das Vaquitas em San Felipe, no México, eles encontraram uma rede de pesca ilegal por volta das 15h.

Junto à rede havia um animal branco não identificado. A princípio, os envolvidos no resgate pensaram que se tratava de um peixe marinho da espécie totoaba, já que os dois têm praticamente o mesmo tamanho e são endêmicos do Golfo da Califórnia.

No entanto, o animal, que já estava desfigurado, era realmente uma vaquita. A avaliação da carcaça foi feita pela cientista da Sea Shepherd, Laura Sánchez, e pela equipe do capitão Octavio Carranza, que enviaram fotografias e material genético para confirmar em laboratório a identidade do espécime mais tarde entregue às autoridades do governo.

Atuando no Golfo da Califórnia desde 2015, como parte da Operação Milagro, a Sea Shepherd revela que já encontrou 36 mamíferos marinhos presos em redes ilegais de emalhar. Nove eram cetáceos e apenas um sobreviveu – uma baleia jubarte.

Em março, o Comitê Internacional para a Recuperação da Vaquita (Cirva) publicou um relatório informando que é possível que existam apenas 10 vaquitas no mundo. A maior causa do risco de extinção é a pesca ilegal no Golfo da Califórnia, onde a morte das vaquitas é um efeito colateral da pesca de totoaba, espécie de peixe com bexigas natatórias que têm alto valor comercial na China.

Em reação à situação, o diretor Richard Ladkani e o ator e produtor Leonardo DiCapriouniram forças para produzir o documentário “Vaquita – Sea of Ghosts”, que foi aclamado no Sundance Film Festival, em Park City, Utah, em fevereiro.

2 COMENTÁRIOS

  1. Que notícia triste!
    Mas gostei de saber mais sobre o projeto do Sea Shepherd e conhecer o documentário Vaquita – Sea of Ghosts, ao qual certamente assistirei.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here