Notícias

Pesquisa destaca aumento da popularidade das proteínas de origem vegetal

Consumidores preocupados com a saúde veem a lentilha como uma boa opção de fonte de proteína (Foto: Pixabay)

Uma pesquisa da Transparency Market Research divulgada ontem (24) destaca o aumento da popularidade das proteínas de origem vegetal, o que tem estimulado o desenvolvimento de ingredientes e produtos alimentícios veganos e vegetarianos.

“As proteínas de origem vegetal ganharam enorme popularidade nos últimos anos devido aos seus potenciais benefícios”, avalia a empresa de análise de mercado, acrescentando que a crescente conscientização do consumidor tem estimulado o consumo global de lentilha, soja e ervilha.

“Por causa da mudança no comportamento do consumidor e do número crescente de empresas de alimentos lançando produtos de proteínas à base de vegetais, o mercado global de proteína de lentilha teve um crescimento significativo na última década.”

Consumidores preocupados com a saúde veem a lentilha como uma boa opção de fonte de proteína, e sua popularidade tem crescido em países como Japão, Alemanha, Brasil, Reino Unido e Estados Unidos, segundo a TMR.

Aumento da conscientização promoverá crescimento

“O aumento da conscientização provavelmente promoverá o crescimento do mercado global de proteína de lentilha. Como resultado, as empresas que utilizam proteína de lentilha, e que estão na vanguarda do campo de proteínas vegetais, têm perspectivas de produzir novos produtos.”

A Transparency Market Research também cita na pesquisa que está havendo um aumento surpreendente da população vegana global, e isso tem motivado os produtores de alimentos a explorarem cada vez mais as proteínas vegetais.

A tendência, conforme a pesquisa, deve manter-se até 2030 com o aumento da preocupação dos consumidores com o bem-estar animal e a sustentabilidade. “Espera-se que as proteínas alternativas, também conhecidas como substitutos da carne, cresçam em popularidade nessa indústria em expansão.”

É avaliado como positivo o papel de empresas como Impossible Foods e Beyond Meat na popularização das alternativas à carne, o que serviu também para estimular outras empresas a darem atenção para esse mercado e criarem suas próprias versões de produtos sem ingredientes de origem animal.

David Arioch

Jornalista e especialista em jornalismo cultural, histórico e literário (MTB: 10612/PR)

Posts Recentes

O que é a carne?

O que é a carne? Sempre que falamos em carne é mais comum uma primeira…

17 horas ago

Como a violação sexual de animais pode ser normalizada?

Como a violação sexual de animais pode ser institucionalizada e normalizada? Quando fala-se em “reprodução…

2 dias ago

Por que comemos criaturas de vontades?

Não é difícil olhar para um animal e reconhecê-lo como criatura de vontades, porque seu…

3 dias ago

Quem se importa com o sofrimento dos frangos?

No Brasil, há sempre mais frangos sendo transportados para os matadouros do que bovinos e…

4 dias ago

Brasília: Picnik Festival terá área vegana coordenada mais uma vez pela FALA

Em uma edição especial no mês das tradicionais festas juninas, o Picnik Festival terá novamente…

4 dias ago

SP: VegNice realiza mais uma Festa Junina Vegana

No domingo (26), o bairro da Liberdade, em São Paulo (SP), recebe mais uma Festa…

4 dias ago